Aprovado os mais de 5 milhões para a Educação

Aprovado os mais de 5 milhões para a Educação Fonte da Foto: divulgação

A Câmara de Vereadores, enquanto ainda discutia a situação desagradável sobre o transporte escolar, onde crianças foram mostradas em fotos na tela da Câmara, na mesma noite em que o Legislativo votava a liberação de mais de 5 milhões de reais, que estava esquecido na conta.

Toninho da Lorsa, depois de expor os números, explicou que não conseguia entender como que com mais de 5 milhões de reais esquecido em uma conta da educação, enquanto isso crianças passavam por uma situação dessas. Para o vereador é triste fazer essa conta e observar que a Prefeitura tinha esse dinheiro esquecido na educação e não investiu.

Toninho do Lorsa aproveitou para exibir também os diversos pontos em que a Prefeitura poderia ter aplicado esses mais de cinco milhões de reais, como por exemplo, na relação da Merenda Escolar: como ausência de Alvará do Corpo de Bombeiros; Ausência de Alvará da Vigilância Sanitária; Ausência de dedetização e desratização; apresentado ralo destampado no interior da cozinha.

Tudo isso, segundo o vereador Toninho da Lorsa, se trata de uma fiscalização documentada do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e o vereador ainda exibe um documento onde o TC aponta que os parquinhos foram reformandos com verbas da Associação de Pais e Mestres da escola, onde também apontavam a identificação de sinais de deterioração, o que para o TC já sinalizava a troca de equipamentos pela Prefeitura.  Enquanto isso, segundo o vereador Toninho da Lorsa, a Prefeitura tinha mais de 5 milhões em uma conta que não foi utilizada e que poderia ser utilizada para esses reparos.

Veja Também