Audiência do dia 18 continua preocupando Jô Silvestre

Audiência do dia 18 continua preocupando Jô Silvestre Fonte da Foto: Facebook

A prerrogativa da imprensa é manter a população informada e seguindo essa importante tarefa o Jornal do Ogunhê vem, mais uma vez, mostrar à população avareense a atual situação do prefeito Jô Silvestre perante a Justiça.

Como já notificado a semana passada, Jô Silvestre responde a uma ação penal por supostamente ter praticado o crime de caixa 2.

O processo em questão teve início a partir de uma denúncia protocolada pelo editor deste jornal, Wilson Ogunhê, que teve acesso a alguns documentos que aparentemente comprovavam o uso de caixa 2 na corrida eleitoral de 2016.

Em posse desses documentos o jornal se viu na obrigação de efetivar a “denúncia” que em momento oportuno foi analisada e acatada pelo Ministério Público e posteriormente tornou-se uma ação penal.

Na última segunda-feira, dia 11, praticamente dois anos após a denúncia, Jô Silvestre, mais uma vez, se mostrou extremamente preocupado com o desenrolar da história.

Se antecipando a audiência, os advogados do prefeito juntaram ao processo um documento que pede a alteração da proposta de transação penal que será oferecida na audiência do próximo dia 18.

Na petição protocolada nessa segunda feira, Jô Silvestre requer que o Ministério Público reveja sua posição quanto às obrigações que terá que cumprir se for beneficiado pela transação penal. Uma delas é não precisar dar informação ao Juízo quando se ausentar da comarca.

Parece que o prefeito Jô Silvestre não gosta muito de dar satisfação de por onde anda.

Veja Também