Casa do Músico encerra atividades deixando saudades

Casa do Músico encerra atividades deixando saudades Fonte da Foto: Wilson Teixeira

O Centro Cultural Casa do Músico de Avaré recentemente encerrou suas atividades após uma Era de Ouro de apresentações musicais em Avaré.

Idealizada por Ana Paula Freitas, produtora e empresária cultural, e  Nahor Gomes - um dos maiores trumpetistas do país - membro da banda que acompanha o rei Roberto Carlos, a Casa Do Músico em seus 3 anos e 3 meses de atividade trouxe 33 espetáculos musicais de artistas brasileiros do calibre de Tiê, Neymar Dias e Toninho Ferragutti, Arismar do Espírito Santo, Léa Freire, Jorginho Neto, Grupo Catavento, Lupa Santiago, Juca Novaes, João Camarero, Graça Cunha, Leandro Leo, Raul Misturada, Isabela Moraes, Demétrius Lulo, Paulo Monarco, Rhaíssa Bittar, Bruna Moraes, entre outros, além de atrações internacionais como Greg Houben (Bélgica), o pianista Mike Del Ferro (Holanda), André Charlier e Benoîte Sourisse (França).

Beth Freitas, chamada carinhosamente como a “mãe de todos”, dona da propriedade, criou em parceria com Nahor e Ana Paula um espaço aconchegante que reuniu pessoas que receberam  inspiração, alegria e tiveram acesso a workshops de mestres da música brasileira.

O clima de efervescência cultural da Casa do Músico talvez só encontre paralelo na nossa tradicional Fampop.

Graças ao sonho que nasceu primeiro no coração de Ana Paula Freitas, Nahor Gomes e Beth Freitas e se aninhou também no coração de Silvia Beltrami, fiel escudeira e responsável também pela produção dos shows, tivemos a benesse de ouvir e ver shows históricos na Casa Do Músico.

Tal não seria possível sem o trabalho de coworking sem precedentes que Ana Paula Freitas empreendeu em Avaré, catalisando amizade e apoio de marcas como Jeep Way, A Camponesa, Proplac, Eduardo Javaro, Watcho Parizze, além do jornal A Comarca e rádio Cidadania FM, provando que sonho que se sonha junto torna-se realidade.

O Jornal Do Ogunhê parabeniza a Casa do Músico, torcendo para que essas congratulações se estendam por parte de outras mídias, bem como da Secretaria de Cultura.

A luta pela arte musical brasileira foi cumprida com êxito e brilhantismo por Ana Paula Freitas, Nahor Gomes, Beth Freitas e sua competente equipe.

E por falar em lutas e batalhas, lembrei-me do seguinte poema:

Quem estará nas trincheiras ao teu lado?

- E isso importa?

- Mais do que a própria guerra.

(Ernest Hemingway)

Parabéns, Centro Cultural Casa do Músico.

(Por Wilson Teixeira)

Veja Também