Denilson revela quem passou zap sobre Toninho da Lorsa

Denilson revela quem passou zap sobre Toninho da Lorsa Fonte da Foto: Wilson Ogunhê

Intimado pela Justiça como testemunha de defesa do secretário de Comunicação, Josená Bijolada, o ex-presidente da Câmara, mais conhecido por Ripoli como o homem do bisturi, Denílson Ziroldo, teria contestado uma notícia publicada pelo jornal A Comarca.

Ontem, o jornal voltou ao assunto levando em consideração a reclamação de Ziroldo. Necessário se faz lembrar que Denílson foi testemunha de defesa do secretário de Comunicação, Josená Bijolada, que, de acordo com o jornal, foi condenado pelo Juizado Especial Cível da Comarca de Avaré por calúnia e difamação contra Toninho da Lorsa.

Na época, Josená que já era secretário de Comunicação do governo de Jô Silvestre acusou Toninho da Lorsa, empresário e atual presidente da Câmara, de ter débitos junto à Prefeitura, tendo sido provado por Toninho da Lorsa ser uma inverdade.

A contestação feita por Ziroldo sobre a primeira publicação da matéria que falava sobre o assunto fez com que o jornal, na edição de ontem, trouxesse que, segundo depoimento de Denílson Ziroldo, ao ser indagado pelo advogado de Josená sobre quem havia passado a informação por mensagem de celular, Ziroldo disse que recebeu de uma pessoa chamada Paulo César, conhecida como “Paulinho Pantheon”. Segundo o jornal, Denilson foi quem passou a informação ao secretário de Comunicação Josená Bijolada, que era seu paciente na época, mas, depois, havia apagado a mensagem.

Denílson Ziroldo, como narra o jornal, reforçou à reportagem “que é fundamental esclarecer os fatos para que não pairem mal entendidos a respeito de seu depoimento à justiça”.

Veja Também