Jô Silvestre cria expectativas que não mudam nada, dizem políticos

Jô Silvestre cria expectativas que não mudam nada, dizem políticos Fonte da Foto: Facebook

No entender de antigos políticos, o que o prefeito Jô Silvestre vem tentando criar, já que sua gestão não decola embora já se aproximando de três anos, são fatos que não mudam em nada a péssima administração que vem realizando, como se novos nomes pudessem reforçar sua equipe para a tão almejada reeleição em 2020, sendo que um está rachando e o outro partido, teoricamente, desapareceu do cenário político.

A entrada de Carla Flores e Pedro Paulo Botafogo, para aqueles que entendem e muito de partidos políticos, não representa qualquer tipo de boa somatória e, na realidade política local, não passando de um barulho para mostrar que, supostamente, o prefeito Jô Silvestre entende de política, quando é de conhecimento público que o bom entendedor é seu pai, Joselyr Silvestre.

Acredita-se que tudo isso seja uma jogada orquestrada, mas que não muda o conceito político em Avaré, onde o povo vota em quem está administrando bem. Trata-se de uma articulação para tentar mudar os ventos políticos porque as coisas não estão bonitas para o prefeito Jô Silvestre, mas criar essa expectativa não muda nada – argumentam alguns políticos da cidade.

Como deixou claro um ex-prefeito, trata-se de uma articulação em busca de legendas mais influentes e tudo não passa de mais uma orquestração. Consta que esse tipo de jogada sempre foi feita pelo pai do prefeito e como diz um causídico de Avaré, que sempre acompanhou a política local, todo esse movimento seria para desviar a atenção dos grandes problemas em que o prefeito está envolvido.

Veja Também