Polícia de Taquarituba prende suspeito de pedofilia em nível nacional

Polícia de Taquarituba prende suspeito de pedofilia em nível nacional Fonte da Foto: divulgação / Polícia Civil

O motorista B. S. T., de 54 anos, acusado de assediar sexualmente uma garota de 10 por meio de uma rede social foi preso em Piracicaba ontem, dia 13, por policiais civis de Taquarituba.  Os pais da vítima registraram boletim de ocorrência na Delegacia depois de tomarem conhecimento do teor de conversas da filha com ele.

Segundo a investigação, B. mantinha um perfil falso no Facebook. Ele se fez passar por um adolescente e com isso conseguiu manter contato com a menina, inclusive por outras redes sociais, como o Whatsapp. Além dela, o investigado conseguiu reunir aproximadamente 100 amigos, em sua grande maioria do sexo feminino e com idade entre 9 e 14 anos.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, nas redes sociais o suspeito encontrava ambiente favorável para iniciar conversas de conotação sexual e até mesmo enviar fotos e vídeos de partes de seu corpo, entretanto tomava o cuidado de não exibir o rosto. Ele também aliciava as garotas para que enviassem fotos e vídeos.

Embora o suspeito não tenha admitido o crime, os policiais civis apreenderam em sua casa diversos computadores, dispositivos de memórias como HDs externos e pendrives, cartões, CDs e DVDs contendo um gigantesco acervo de imagens com crianças nuas e em poses eróticas. O acesso a um desses dispositivos permitiu constatar que o suspeito mantinha os arquivos identificados em pastas com o nome, idade e até a cidade de origem das crianças e adolescentes.

Outras vítimas

Peças de roupas do motorista bem como o seu celular também foram apreendidos. Todos os equipamentos vão passar por perícia no Instituto de Criminalística para constatação técnica do conteúdo sexual envolvendo menores de idade.

Devido à enorme quantidade de imagens e vídeos encontrados, a Polícia Civil de Taquarituba acredita que pode haver vítimas em todo o país. Esse detalhe também é um forte indício do envolvimento de mais suspeitos de pedofilia na troca desses arquivos pela internet.

Além dos crimes de aliciamento e corrupção de menores, B. também foi autuado em flagrante por satisfação de lascívia mediante presença de criança ou adolescente, divulgação de cena de imagens de nudez, sexo ou pornografia, utilizar-se de criança em cena de sexo explícito e armazenar vídeo ou foto de crianças ou adolescentes com conotação erótica.

O acusado será apresentando ao fórum de Taquarituba hoje, dia 14, para participar da audiência de custódia. Posteriormente será transferido para uma das unidades prisionais do sistema penitenciário.

Da assessoria de imprensa da Polícia Civil de Avaré.

Veja Também