Prefeito não participa e depois quer reunião com caminhoneiros

Prefeito não participa e depois quer reunião com caminhoneiros Fonte da Foto: divulgação

A notícia praticamente saiu em quase todos os jornais da cidade sobre a audiência pública dos caminhoneiros, que ocorreu no dia 10 de abril, no plenário da Câmara, onde a razão da audiência era a razão de uma proibição por parte da Prefeitura do trafego e caminhões.

Como sempre a Prefeitura mandou alguns de seus secretários, como é o caso do titular da pasta da Agricultura, Ronaldo Vilas Boas, que representou o responsável pelo Transportes e Sistema Viário, Alexandre Nigro, mas o prefeito Jô Silvestre, como de costume, não esteve presente nesse evento que muito tem a ver com a cidade de Avaré.

A discussão e as criticas contra o prefeito Jô Silvestre, que não participa mesmo de audiências publicas por não ser o seu forte, ou possivelmente não ter argumentos já preparados para dar a sua opinião no sentido de resolver o problema e assim sendo considerado por uma maioria da população como um prefeito que não demonstra tanta preocupação com a cidade.

A discussão foi tão acirrada que teve um caminhoneiro que para mostrar sua indignação chegou a afirmar que “Esse prefeito, só sabe trabalhar com festa”, o que deixou claro que sem alternativa os caminhoneiros de Avaré estão sendo praticamente na visão da sociedade multados pelo fato de placas viárias da Prefeitura, sem deixar uma alternativa para os caminhoneiros

Uma informação de dentro da própria Prefeitura é que o prefeito Jô Silvestre tentou de todas as formas uma reunião com os caminhoneiros de Avaré, mas os profissionais caminhoneiros negaram se reunir com o prefeito e segundo a informação é que alguns caminhoneiros disseram que o prefeito deveria ter participado da audiência pública para apresentar a sua opinião já que é o prefeito da cidade.

Veja Também