Ripoli falta com ética e não lê texto correto

Ripoli falta com ética e não lê texto correto Fonte da Foto: Ilustrativa

Impressionante o comportamento do radialista Rodivaldo Ripoli, que deixa muito evidente que não gosta de esclarecer fatos em seu programa, sempre deixando que a população fique com a sua primeira versão, como se com isso ele pudesse, supostamente, ganhar mais influência no governo de Jô Silvestre e dos seus fiéis escudeiros, não percebendo que com um pouco de ética ele seguiria melhor com seu programa.

Observe-se que desde que Ripoli voltou para o rádio, utiliza muitas vezes pautas deste jornal para fazer seu programa e, na manhã de ontem, 8 de agosto, mesmo percebendo um equívoco do jornal sobre uma Nota à Imprensa enviada pela Câmara, fez questão de tripudiar sobre o texto equivocadamente publicado (e ele sabia), para criticar a Câmara de Vereadores, usando e abusando do texto que era um assunto de 2017 e que nada tinha com o texto verdadeiro sendo que, como dissemos, tinha conhecimento do equívoco do jornal.

Depois que o texto original foi publicado, o radialista foi imediatamente informado, ainda com seu programa no ar; entretanto, mesmo assim, preferiu deixar a ética de lado, como sempre faz, e não leu o texto correto, demonstrando claramente que seu intuito na emissora é defender o prefeito, esquecendo seu posicionamento de radialista que deveria ser ético, trazendo a verdadeira informação e não apenas usar um programa para supostos interesses pessoais como, por exemplo, manter seu filho na Secretaria de Esportes.

Veja Também