Secretário proíbe caminhões de utilizar o anel viário de Avaré

Secretário proíbe caminhões de utilizar o anel viário de Avaré Fonte da Foto: Marcello Ribeiro

Foi necessário que o motorista de caminhão, Ronald Boemeri, viesse a utilizar da palavra na Câmara de Vereadores na noite de segunda-feira, dia 11, para que a imprensa tomasse conhecimento do que estava acontecendo com ele, fato inaceitável que parte de um governo autoritário, que fala e faz o que bem entende, a ponto de, teoricamente, menosprezar do trabalhador público o caminhoneiro que transporta nossa alimentação.

De acordo com Ronald, os caminhoneiros que estavam utilizando o anel viário, recentemente entregue pela Prefeitura estariam proibidos de trafegar naquele setor, onde até foi colocada uma placa proibindo a circulação de caminhões pelo anel viário, recentemente pavimentado entre Vila Esperança e Água Branca.

O motorista chegou a narrar que foi multado e quase que teve seu caminhão apreendido pelo fato de tentar transitar naquela via, a que deram o nome de anel viário e que no programa do prefeito Jô Silvestre já era narrado que essa via seria feita para ajudar no escoamento de grãos.

O que não deu para entender é que os motoristas que mais precisam dessa via não podem circular por lá, o que trouxe grande indignação ao cidadão Ronald Boemeri.

Pior foi a emenda do que o soneto quando o caminhoneiro procurou o secretario de Transportes da Prefeitura, Alexandre Nigro, que segundo Ronald não lhe deu o tratamento adequado, mostrando arrogância e prepotência.

Segundo Ronald, Alexandre Nigro disse que os caminhões estariam proibidos de circular por aquela via (anel viário) e que o secretário teria ameaçado de colocar placas proibindo caminhões de circular por vias da cidade e deu uma sugestão de Ronald ir até Itatinga e voltar pela Castelo Branco, não se importando com o custo financeiro desse trajeto.  Só uma pergunta: dá para entender este governo vereador Estati?

Veja Também