Linha de crédito auxilia setores afetados pela pandemia

Linha de crédito auxilia setores afetados pela pandemia Fonte da Foto: arquivo

O Governo do Estado de São Paulo criou um plano de apoio econômico, fiscal e tarifário voltado para bares, restaurantes, academias, salões de beleza e produção de eventos em todo o território paulista.

A proposta da Linha Emergencial é amenizar os efeitos das restrições que precisaram ser adotadas para conter a escalada de contaminação pelo novo coronavírus.

Para tanto, foram liberados mais de R$ 100 milhões em novas linhas de crédito do Desenvolve SP e Banco do Povo.

Juntas, as duas instituições financeiras estaduais ofereceram R$ 2 bilhões para suporte a empreendedores durante a crise sanitária. O prazo para a adesão à Linha Emergencial vai até 30 de junho.

Outras opções

Outros R$ 50 milhões serão oferecidos pelo Banco do Povo em microcrédito para capital de giro. O limite será de até R$ 10 mil, com taxa de juros de 0% a 0,35% ao mês, carência de 6 meses e prazo para pagamento de até 36 meses.

Além da Linha Emergencial, o programa já conta com outros R$ 50 milhões oferecidos pela linha de crédito Empreenda Mulher (parceria com o programa Empreenda Mulher, destinada exclusivamente a empreendedoras, visando o apoio e incentivo à autonomia das mulheres empreendedoras, a qualificação através de cursos oferecidos e o acesso ao crédito) e a linha de crédito Empreenda Rápido, destinada a empreendedores formais ou informais que buscam auxílio para o financiamento de itens como maquinário, equipamento, matéria-prima e produtos de estoque do negócio.

Serviço

Os empréstimos podem ser solicitados no site www.bancodopovo.sp.gov.br. Convênio com a Prefeitura da Estância Turística de Avaré, a unidade local do Banco do Povo funciona na Casa do Cidadão, que fica na Rua Bahia, nº 1580.

O atendimento presencial é das 8 às 17 horas. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (14) 3732-6101 e (14) 9 8155-4247.

Veja Também