Prefeito e secretário não esclarecem sobre hospital de campanha

Prefeito e secretário não esclarecem sobre hospital de campanha Fonte da Foto: arquivo

É de causar indignação social, no momento em que a pandemia explode em Avaré e no país, com números impressionantes de pessoas testadas positivas para o coronavírus e tendo de se cuidar em casa, por não existirem leitos na Santa Casa de Avaré. diiscutir-se quem conseguiu o prédio do AME para transformar em hospital de campanha.

Perguntamos, ontem, a uma fonte de dentro da Prefeitura por qual razão tanto o prefeito Jô Silvestre como o secretário de Saúde não vêm a público esclarecer o assunto do prédio; a resposta é que, politicamente, sentem-se os pais da criança, em razão do pedido feito ao governador.  Não custa informar a imprensa de Avaré para que esta leve a voz do prefeito e do secretário ao povo avareense.

Narrou, ainda, a fonte que tudo é consequência de escolhas políticas, pois, neste momento, mesmo que o Ame seja cedido à Prefeitura não há como montar uma estrutura para atender, pois não existem insumos suficientes para comprar, não sao encontrados fornecedores para vender respiradores e UTIs. Segundo a fonte, não existe a possibilidade da abertura de um hospital de campanha em Avaré; estariam, em tese, usando todo o barulho para fazer política e nada mais.

Veja Também