Vereador Estati tenta intimidar vereadora Adalgisa

Vereador Estati tenta intimidar vereadora Adalgisa Fonte da Foto: arquivo

Em um modo agressivo de usar a palavra livre sempre que vai discordar de alguma coisa que seja do interesse do prefeito Jô Silvestre, o vereador Estati se perde nas palavras e sem apresentar nada de interesse para o bem da comunidade, prefere se manter na linha irredutível de ataque ameaçador e foi isso que ocorreu na segunda-feira e aos gritos vinha a tentativa de intimidação à vereadora.

E foi o que fez o vereador quando percebeu que a vereadora Adalgisa iria utilizar-se da palavra depois dele, na última segunda-feira. Com argumentos que não justificam o posicionamento de um vereador, já anunciava que se a vereadora viesse se fazer de “santinha” em sua palavra livre, disse que iria “moer ela” na próxima sessão.

Mostrou mais uma vez que supostamente não estaria preparado para ocupar um cargo de responsabilidade como parlamentar, pois no parlamento a função é trabalhar pela cidade e não se fazer como defensor do prefeito ou teoricamente defender algo que esteja possivelmente errado e que precisa ser fiscalizado. Estati alegou que tanto Adalgisa e como o vereador Ernesto conseguiram paralisar a obra. Carlos Alberto Estati provavelmente não tenha prestado atenção em seu próprio pronunciamento, mas tudo levou a opinião pública a entender com muita clareza que se tratou de uma intimidação com insistência, ao dizer todas as vezes que iria “moer” a vereadora em plenário.

Veja Também